Archive for the ‘Uncategorized’ Category

Slight trouble in Xiaomi land

Ter, 15 Setembro , 2015

Just so I don’t forget, yesterday, I ran into a bit of trouble with my new xiaomi redmi 2 prime.

The screen.

Well, actually, the screen’s reported dpi (pixels per inch).

It’s causing certain apps to gauge the screen size incorrectly.

This phone has a 4.7″ screen with 720×1240 pixels – with 10.4×5.8cm (or 4.095×2.28inches), which should yield 302×315 dpi, ~ 306dpi.

Instead, CPU-Z is giving me 287dpi and translating that into a 5.11″ diagonal!

I suspect this is behind the one handed mode showing a 4.0″ version that smaller than the real 4.0″.

Here’s a comparison with my old LG L5 II:

Maybe I can sort this out by changing some configuration file somewhere… will take time…

Subscribe to a RSS feed from facebook

Qua, 13 Junho , 2012

Subscribe the RSS feed of a facebook page which you like (not a friend).

Just put the following URL on your browser address bar:

https://www.facebook.com/feeds/page.php?format=rss20&id=<PAGE_ID>

But now we need to find the <PAGE_ID> number. The easiest way is to look at a photo. Fan pages like to post photos. The link to a photo page looks like this:

https://www.facebook.com/phot_o.php?fbid=<some_huge_number>&set=a.<number_starts_with_the_same_sequence_as_the_fbid>.<5-digit_number>.<PAGE_ID>&type=3&permPage=1

Did you see the, there? good, copy it to the URL above and you’re set to go.

For other feeds, see here:

http://www.kristi-barrow.com/facebook-rss-feeds-what-is-available/#comment-158

Trânsito de Lisboa

Sex, 27 Novembro , 2009

Trânsito de Lisboa

Para quem anda de carro diariamente, este tipo de situações não deverá ser novidade, mas que moem a paciência de uma pessoa, lá isso moem.
Aqui apresento duas situações de estacionamento abusivo, sancionado pelo código da estrada, mas às quais as autoridades não ligam.
Se não tem o papel da EMEL, cai logo o bloqueador e, se uma pessoa não se acautela, o carro ainda é rebocado e depois é uma chatice monstra…. para não falar no pagamento.
Mas se está estacionado num sítio onde é proibido estacionar, a EMEL já não tem autoridade para autuar.
Os polícias de trânsito passam pela zona e fazem de conta que não vêem a situação. Não percebo porque é que há zonas que têm direito a este tratamento especial enquanto outras zonas da cidade são patrulhadas por autênticos gaviões da autoridade!

Ora aqui está um local por onde passo diariamente e está sempre assim:
Av Visconde de Santarém - Proibido estacionar

Sinalização vertical indicando proibição de estacionamento e, nessa zona, estão duas viaturas pertencentes a uma escola de condução das proximidades. Belo exemplo!

Mais uma beleza. Estacionamento em segunda fila… de ambos os lados!!!!!

Av. Miguel Bombarda - 3 files ou só uma?

Eram 3 filas de trânsito, mas chega uma, não é?!!
Todos os dias isto está assim…

IDL syntax highlighting in Notepad++

Dom, 25 Janeiro , 2009

I’ve been using notepad++ for about a year and I just love it.
I use it mainly to write my LaTeX files, but also for any programming language I need and standard text, such as .txt and .nfo.
It has syntax highlighting (excellent for programming), tabs to keep every open document easily accessible, double panel, support for plugins, etc, etc, etc
I use the explorer and spell-checker plugins and they work just as you’d expect! Great!
But there was one thing missing: syntax highlighting for the IDL programming language. I looked around google a bit and found it nowhere. So, I used another great feature on notepad++, custom syntax! After an hour of typing in all IDL functions and procedures, I’ve arrived at what I think isn’t a very bad scheme.
Then I wanted to know where it stored this info and I found it in the file C:\Documents and Settings\user\Application Data\Notepad++\userDefineLang.xml
You can get it  from: userDefineLang.xml (link updated – 2/11/2011)

EDIT (4-sep-2012) sorry for taking so long to update this. Thanks to Spencer, here’s the link to the notepad++  wiki where this file is: http://notepad-plus.sourceforge.net/commun/userDefinedLang/userDefineLang_IDL.xml

EDIT (15-Sep-2015) It seems notepad++ has made importing the XML file a bit easier. Just download the file above to wherever and then:

  • Language Menu -> Define your language…
  • Click the “Import…” button
  • Navigate to where you saved the file and select it.
  • Restart notepad++ and your user defined language should be ready to be used.

Please, let me know if you have any suggestions to improve it!

bankomails is a SCAM!

Seg, 3 Novembro , 2008

After rolex-mails, it’s time for bankomails to show its true colors. scam!
I reached the minimum payout and even threw in the signup bonus, but there’s still no way to cashout.
Here are the shots:

Redemption page. Note that my account balance is $21.050,00

Redemption page. Note that my account balance is $21.050,00

After clicking the "Payout $20000 (1 Ads)" link, I arrived at the same page, but with no links to click!

After clicking the "Payout $20000 (1 Ads)" link, I arrived at the same page, but with no links!

I knew this kind of PTR was too good to be true, but it was worth a shot.

I have 3 more of these PTR’s in my list: Depacco, EuroTradeMails and BuxPTR. I haven’t reached payout yet, but as soon as I do, I’ll post the result here! I have high expectations for these sites… high probability of scam, that is!

óleo usado – o destino

Sex, 18 Julho , 2008

Talvez não saiba, mas o óleo alimentar que já não serve para si pode ainda ajudar muita gente. Em vez de o deitar fora, entregue-o nos restaurantes aderentes para que este seja recolhido. Além de diminuir a poluição do planeta, cada litro de óleo será transformado num donativo para ajudar a AMI na luta contra a exclusão social. Dê, vai ver que não dói nada.

Para participar neste projecto da AMI:

– Junte o óleo alimentar que usa na sua cozinha numa garrafa de plástico e entregue-a quando estiver cheia num dos restaurantes aderentes. Os restaurantes estão identificados e a lista completa está disponível em www.ami.org.pt;

– Afixe cartazes no comércio da sua localidade e distribua folhetos nas caixas de correio. Solicite materiais, enviando um e-mail para reciclagem@ami.org.pt;

– Divulgue esta informação no seu site ou blog;

– Encaminhe este e-mail para a sua lista de contactos.

Press release:

Pela primeira vez, vai passar a existir em Portugal, uma resposta de âmbito nacional para o destino dos óleos alimentares usados. A partir de dia 15 de Julho, a AMI lança ao público este projecto que conta já com a participação de milhares de restaurantes, hotéis, cantinas, escolas, Juntas de Freguesia e Câmaras Municipais.

A AMI dá com este projecto continuidade à sua aposta no sector do ambiente, como forma de actuar preventivamente sobre a degradação ambiental e sobre as alterações climáticas, responsáveis pelo aumento das catástrofes humanitárias e pela morte de 13 milhões de pessoas em todo o mundo, de acordo com a Organização Mundial de Saúde.

Os cidadãos que queiram entregar os óleos alimentares usados, poderão fazê-lo a partir de agora. Para tal, poderão fazer a entrega numa garrafa fechada, dirigindo-se a um dos restaurantes aderentes, que se encontram identificados e cuja listagem poderá ser consultada no site www.ami.org.pt.

Os estabelecimentos que pretendam aderir, recebendo recipientes próprios para a deposição dos óleos alimentares usados, deverão telefonar gratuitamente para o número 800 299 300.

Este novo projecto ambiental da AMI permitirá evitar a contaminação das águas residuais, que acontece quando o resíduo é despejado na rede pública de esgotos, e a deposição do óleo em aterro. Os óleos alimentares usados poderão assim ser transformados em biodiesel, fornecendo uma alternativa ecológica aos combustíveis fósseis, e contribuindo desta forma para reduzir as emissões de Gases de Efeito de Estufa (GEE). Ao contrário do que por vezes acontece com o biodiesel de produção agrícola, esta forma de produção não implica a desflorestação nem a afectação de terrenos, nem concorre com o mercado da alimentação.

São produzidos todos os anos em Portugal, 120 milhões de litros de óleos alimentares usados, quantidade suficiente para fabricar 170 milhões de litros de biodiesel. Este valor corresponde ao gasóleo produzido com 60 milhões de litros de petróleo, ou seja, o equivalente a cerca de 0,5% do total das importações anuais portuguesas deste combustível fóssil. A AMI dá assim a sua contribuição para favorecer a independência energética do país, conseguindo atingir este objectivo de forma sustentável e com uma visão de longo prazo, não comprometendo outros recursos igualmente fundamentais para o desenvolvimento da sociedade e para o bem-estar da população.

Segundo a União Europeia, o futuro do sector energético deverá passar pela redução de 20% das emissões de GEE até 2020, assim como por uma meta de 20% para a utilização de energias renováveis. Refere ainda uma aposta clara na utilização dos biocombustíveis, que deverão representar no mínimo 10% dos combustíveis utilizados.

A UE determina ainda que os Estados-Membros deverão assegurar a incorporação de 5,75% de biocombustíveis em toda a gasolina e gasóleo utilizados nos transportes até final de 2010 e o Governo anunciou, em Janeiro de 2007, uma meta de 10% de incorporação de biocombustíveis na gasolina e gasóleo, para 2010.

As receitas angariadas pela AMI com a valorização dos óleos alimentares usados serão aplicadas no financiamento das Equipas de Rua que fazem acompanhamento social e psicológico aos sem-abrigo, visando a melhoria da sua qualidade de vida.

My 1st blog!

Qua, 30 Abril , 2008

Entrei no mundo dos blogs.
Dizem que os tugas estão a léguas dos blogs, portanto cá venho eu sair da estatística.
Por agora, não tenho nada para escrever, mas as ideias vão aparecendo…
Hello world!